quarta-feira, 2 de maio de 2012


DOS ANTIGOS SÃO JOÃO EM BOQUEIRÃO EU NÃO POSSO ESQUECER...


Aí se eu pudesse voltar
Aos antigos são João
Que dancei em Boqueirão
Lá no largo do mercado

Foram festas animadas
Que nunca podemos esquecer
Vale à pena relembrar
Pra manter a tradição
Do são João de Boqueirão
Não podemos esquecer

Depois de saborear uma mesa sempre farta
Com pamonha,canjica,queijo e espiga de milho assada
Vestia vestido estampado
Ou então quadriculado
Cheio de laços de fita
E ia dançar no mercado

Quem não dançou um forró
E voltou no ano vindouro
Pra se arrasar com a sanfona
De Diomedes o “Dedo de Ouro”
E ver Dedé de Eduardo se animar
Marcando uma boa quadrilha

Dizia Dedé entusiasmado
Seus pares pode arrumar
Vamos dançar até o sol raiar
A sanfona vai gemer
Dos antigos são João de Boqueirão
Eu não posso esquecer

E o compositor João Gonçalves
Que fez forró de sucesso
Falou que em nossa terra
Tem pescaria de progresso
Aqui tem pesca de montão
E também tem” lapa de minhoca que causa admiração...”

E as quadrilhas dos bairros
Animação não faltava
Na Rua Félix Araújo
Tinha até encenação
Lembrando o rei do Baião
O mestre Luiz Gonzaga

Eita que é bom relembrar
Os tempos de outrora
Bateu uma saudade no peito agora
Mas sempre vou escrever
Meu relato pra você
Dos antigos São João de Boqueirão eu não posso esquecer.

(Mary Leal)

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012


Samba do Zé

Se tiver  um pedido, faça agora um favor

Ajoelhe, faça  birra  ou  aposta de valor

É que nem plantar Bambu seu doutor

A demora é infinita, é melhor cantar um samba

Só não perca a paciência nem a decência

Um pedido ou oração ou quem sabe um refrão:

...Com Calma se resolve tudo!

...Com calma se resolve tudo!

Vamos ver, vai se acalmar que canja de

Galinha não faz mal a ninguém...

Eu vou procurar um jeito ou um vintém

Não corro, sou do Tibet,  acredite se quiser

Quero mandar um recado que diz tudo

...com calma se resolve tudo!

...com calma se resolve tudo!

Direitos reservados(Nilcemary Rodrigues).